Marchas de Lisboa suspensas

468

A Câmara Municipal de Lisboa decidiu suspender o certame deste ano das Marchas Populares. A notícia ainda não foi veiculada nos órgãos oficiais da autarquia mas ao que conseguimos apurar os responsáveis pelas coletividades que aderiram ao evento já foram informados.

As comissões das marchas, da Madragoa e dos Olivais, através do seu Facebook, já publicaram a informação da suspensão do certame, até 30 de junho. 

Nesta altura está em estudo o adiamento ou até mesmo o cancelamento do evento. O figurinista Paulo Julião, que trabalha este ano para a Penha de França e para a Madragoa, entre outras marchas, diz que não era má ideia adiar o evento para outubro, “o mês de Amália”. 

A fadista, cujo centenário do seu nascimento se celebra este ano, é de resto a grande inspiração para o evento deste ano. 

Recorde-se que o certame estava agendado para os dias 5,6 e 7 de junho no Altice Arena, sendo o habitual desfile na Avenida da liberdade o dia 13 de junho, dia de Santo António.