Tira fotografias banais que depois transforma em imagens surreais

Katrina Yu, uma fotógrafa surrealista, como se autodefine, é uma contadora de histórias e, muitas das vezes, alguns dos cenários mais comuns onde se deixa fotografar, como o seu quintal, convertem-se em locais míticos e imaginários

O seu limite que diz ter é o da imaginação e, por isso, considera-se uma surrealista. Katrina Yu, que vive em Bacolod, nas Filipinas, é fotógrafa e artista digital. Apaixonada por literatura e profundamente crente em romances e em contos de fadas, tem uma tese. “Tudo o que possamos imaginar pode tornar-se possível”, defende. “Desde jovem que sou uma contadora de histórias. Agora, tento contá-las através das minhas imagens com a ajuda do Photoshop”, confidencia.

Algumas das fotografias absolutamente banais tiradas por Katrina Yu, muitas delas na própria casa, são o ponto de partida para os seus trabalhos, manipulados digitalmente. “Eu quero provar que não é preciso nada de extravagante para criar o que imaginamos”, sustenta a artista. Personagens da Disney como a pequena sereia ou de filmes do Ghibli Studio, um estúdio de animação japonês que acompanha atentamente, são duas das fontes de inspiração assumidas.

Nas redes sociais, onde é seguida por milhares, a artista filipina não tem por hábito revelar as fotografias originais que lhe vão tirando, apenas o resultado final, que muitos elogiam com regularidade. “Decidi desafiar-me e recriar cenas de filmes do Ghibli Studio, combinando fotografias”, esclarece. “Uma única imagem pode ser composta com cinco a dez fotos e isto é uma coisa que eu adoro fazer. Fazem-me reviver uma parte da minha infância”, explicou

Linha de saúde para animais com consultas veterinárias por telefone

A empresa portuguesa Barkyn dá consultas online e pelo telefone. A linha de apoio entra em funcionamento esta segunda-feira, 16 de março, até ao final do mês.

A pandemia de Covid-19 fechou-nos em casa e na agenda de coisas a fazer fora de portas, só cabem mesmo as tarefas absolutamente essenciais e as emergências familiares. Mas mesmo em tempos de crise de saúde pública, é preciso tomar conta dos bichos lá de casa. E é precisamente por isso que a Barkyn inaugura a linha de apoio veterinário esta segunda-feira, 16 de março, que ficará ativa pelo menos até ao final do mês.

“O aconselhamento veterinário à distância é a partir de hoje disponibilizado a todas as pet-famílias. Se detetar algum sinal clínico anormal no seu cão ou simplesmente necessitar de esclarecer alguma dúvida relacionada com a saúde do seu animal pode contactar a linha da Barkyn. Em tempos difíceis esta é a nossa contribuição, a nossa forma de ajudar a garantir a saúde de todos os cães e famílias”, diz em comunicado o CEO da empresa, André Jordão.

Do outro lado da linha estarão veterinários para ajudar a tentar resolver problemas e dúvidas, de forma a evitar que os donos tenham que sair de casa e deslocar-se às clínicas. O 912 760 990 vai estar disponível todos os dias das 10 às 20 horas.